segunda-feira, 21 de novembro de 2016

A DANÇA NA BÍBLIA E SUA ESTREITA RELAÇÃO COM A ADORAÇÃO À DEUS


TEXTO:  Salmos 150:4 - Louvai-o com o tamborim e a dança, louvai-o com instrumentos de cordas e com órgãos.

INTRODUÇÃO:
  • Adoração é o reconhecimento de quem a Pessoa Adorada é e representa para o Adorador.
  • Existem várias formas de expressarmos nossa Adoração a Deus. 
  • A coreografia, ou seja a linguagem corporal, é uma forma muito linda de adorar a Deus.
  • Mas, não é qualquer coreografia! 
  • Hoje, em todos os meio musicais mundanos, se utiliza a Coreografia. Geralmente, de uma maneira a comunicar o que está sendo cantado, numa linguagem corporal.
  • Exemplos: Michael Jackson, Madona, Programas de Auditórios na TV, etc...
  • Geralmente, muito sensual, induz os incautos (desavisados) a sensualidade e ao pecado.
  • Como trazer a Coreografia para Igreja, sem sensualizar, de maneira a comunicar a mais pura adoração a Deus, de forma que aqueles que assistem uma programação, ao olhar para o grupo, não sinta nenhum desejo impuro pelas participantes, mas, somente, constrangidos a Adorar a Deus?
  • Lembrando que, na coreografia, há uma linha muito tênue (frágil) entre o santo e o profano!
  • A Bíblia nos dá algumas pistas interessantes:
DESENVOLVIMENTO:
1 – A DANÇA, NA BÍBLIA, LIGADA À ADORAÇÃO:
  1. MIRIà– Êxodo 15:20-21 – Então Miriã, a profetisa, a irmã de Arão, tomou o tamboril na sua mão, e todas as mulheres saíram atrás dela com tamboris e com danças. E Miriã lhes respondia: Cantai ao Senhor, porque gloriosamente triunfou; e lançou no mar o cavalo com o seu cavaleiro.
  • Depois de um grande milagre e do reconhecimento de que somente Deus poderia fazê-lo, Miriã levou as mulheres hebréias a dançarem na presença de Deus.
  • O alvo daquela dança não era outro, senão o próprio Deus que abriu o mar e fez o seu povo passar a pés enxutos.
  1. DAVI – 2 Samuel 6:14 – Davi, vestindo o colete sacerdotal de linho, foi dançando com todas as suas forças perante o Senhor,
  • Após reintroduzir a Arca da Aliança, que representava a presença de Deus, novamente em Israel, Davi, num gesto de extrema adoração, foi dançando com todas as suas forças perante o Senhor.
  • O alvo daquela dança não era outro, senão o próprio Deus que derrotou os Filisteus que tinham levado a Arca da Aliança (1 Samuel 4:11) e a fez voltar para o seu povo. (2 Samuel 6:15)
  1. COXO DA PORTA FORMOSA – Atos 3:8 - E, saltando ele, pôs-se em pé, e andou, e entrou com eles no templo, andando, e saltando, e louvando a Deus.
  • O coxo (aleijado) era deficiente físico de nascença (Atos 3:2). 
  • Durante mais de 40 anos (Atos 4:22), ele tinha de ser levado por alguém para mendigar à porta do templo chamada formosa.
  • Num belo dia, aparecem 2 apóstolos, que em nome de Jesus Cristo, o Nazareno (Atos 3:6) realizam um milagre fenomenal.
  • Aquele ex-coxo não se contém e entra no templo, saltando, dançando e “Louvando a Deus” pelo milagre recebido.
  • O alvo daquela dança não era outro, senão o próprio Deus que realizara aquele tremendo milagre, através das vidas de Pedro e João.
2 – A DANÇA, NA BÍBLIA, LIGADA AO PECADO E À MORTE:
A.    SALOMÉ (Filha de Herodia) – Mateus 14:6 - Festejando-se, porém, o dia natalício de Herodes, a filha de Herodias dançou no meio dos convivas (convidados), e agradou Herodes,...)
  • A festa onde Salomé dançou era a comemoração do aniversário de Herodes.
  • Flávio Josefo (37 a 100 dC) - Considerado como um dos maiores historiadores judeus de sua época, diz que uma festa oriental desta (Aniversário de Herodes) era uma festa restrita a homens.
  • Foi uma dança provocativa e sensual.
  • Provocou o entorpecimento de Herodes, a ponto de ele fazer uma promessa louca a Salomé, (dar a ela o que ela pedisse, ainda que fosse metade do seu reino. No entanto, induzida por sua  mãe, Herodias, pediu a cabeça (morte) do Profeta João Batista, o que realmente aconteceu.
  • O alvo daquela dança não era outro, senão o homem, no caso Herodes.
  • A dança sensual dentro da Igreja, provoca outro tipo de morte ainda pior: A morte espiritual.
  • Onde ao invés de olhar para o que está sendo expresso através da letra que deveria ser interpretada pela coreografia, os assistentes são induzidos pela sensualidade a olharem para os corpos dos/as participantes, desvirtuando totalmente o que era para ser algo direcionado exclusivamente para Deus.
  • Por isso o cuidado nos gestos, nas roupas e nos ritmos escolhidos para a Adoração através da Coreografia.
  • Todas as músicas deverão ter um conteúdo de Adoração e Louvor a Deus, pois, este é o contexto da dança na Bíblia.
  • Além do mais, a Bíblia diz em Romanos 10:17, que a fé vem pelo ouvir e o ouvir a palavra de Deus.
  • O conteúdo da letra do que é coreografado é de vital importância!
CONCLUSÃO:
  • Aprendemos nas passagens acima grandes lições a saber:
o A dança (coreografia) é bíblica. (Salmos 100:4)
o A razão de ser da coreografia no meio cristão é a Adoração a Deus!
o Quem faz coreografia precisa ter uma profunda relação de reconhecimento de que somente Deus deve ser adorado. (Mateus 4:10Daí a importância dos componentes não apenas dançarem, mas louvarem juntos, sabendo e entendendo o que está sendo expresso nas canções coreografadas.
o É preciso ser criterioso nas vestimentas, nos rítmos e nas letras das músicas que vão ser coreografadas.
o Que a coreografia destituída de santidade e, com contornos de sensualidade, provoca a morte da Igreja e transforma os dançarinos em instrumentos do pecado.
Que a coreografia na Igreja deve levá-la a entender, numa linguagem corporal, que nosso Deus é Deus de milagres e continua fazendo milagres ainda hoje. (Hebreus 13:8)

  • Que Deus continue abençoando cada vida que se sente chamada por Ele para este lindo ministério e responde com sinceridade e seriedade ao seu chamado.
Com carinho
Rev. Ednaldo Breves 

Nenhum comentário: